Seus sonhos te visitam?

Sonhar é como ter um super-poder.

31 de Maio de 2023


Sonhar é como ter um super-poder. É a possibilidade de se debruçar em uma linguagem secreta, uma espécie de sussurro produzido pela nossa mente, que pode ou não fazer sentido imediato, mas que sempre tem algo a dizer. O sonho, aliás, não é exclusivo da nossa espécie, mas falar sobre ele parece ser uma capacidade somente nossa - e de extrema importância, como acreditam muitos especialistas. 

Para a psicologia, por exemplo, eles funcionam como uma espécie de porta para o tão inacessível inconsciente, a caixa de pandora que tudo guarda, mas pouco mostra. Acordar e escrever aquilo que desfilou enquanto você fechava os olhos é como contar para si mesmo o que habita no seu mais profundo íntimo. 

Os sonhos são tão poderosos que, para algumas culturas, são prenúncios de um futuro que, antes de chegar, já envia alguns sinais. Essa fabulação que se repete noite após noite, para muitos é sagrada, é um contato com o além, é uma possibilidade de encontrar quem já se foi ou receber uma resposta que a muito se espera. 

Se olhar sob o aspecto científico, o sonho é também uma manifestação importante do nosso órgão mestre, que é o cérebro. A intensidade do seu trabalho é a prova de que, mesmo dormindo, estamos atentos e fortes. É também uma maneira de estimular a criatividade e expandir as nossas sinapses - e se for um sonho lúcido, se tornar mestre de si mesmo.

Para você, o que representa o sonho? Quais são os lugares que você acessa quando se deixa levar? Experimente perder o controle e ouvir o que sua mente tem para falar. Há muito de si mesmo que mora ali e você pode nem saber.

Seus sonhos te visitam? Seus sonhos te visitam? Seus sonhos te visitam? Seus sonhos te visitam?

Compartilhar:


Para Inspirar

Consumo de ômega 3 promove o envelhecimento saudável

Estudos anteriores já haviam sugerido que os ácidos graxos ômega 3, presentes em frutos do mar e vegetais, ajudam a promover envelhecimento saudável.

22 de Novembro de 2018


Estudos anteriores já haviam sugerido que os ácidos graxos ômega 3, presentes em frutos do mar e vegetais, ajudam a promover envelhecimento saudável. Uma nova pesquisa publicada no periódico BMJ comprovou que a teoria é verdadeira. Para chegar a essa conclusão, cientistas da Universidade Tufts, nos Estados Unidos, analisaram os dados de 2.600 idosos entre 1992 a 2015. Os participantes tinham, em média, 74 anos no início do estudo. Em três ocasiões ao longo da pesquisa, foram avaliadas as taxas de ômega 3 no sangue dos voluntários, em quatro frações diferentes: ácido alfa-linolênico (ALA), ácido eicosapentaenoico (EPA), o ácido docosahexaenoico (DHA) e ácido docosapentaenoico (DPA). Com base nessas medições, os participantes foram divididos em cinco grupos, da menor para a maior concentração de ômega 3 no organismo. Ao comparar esses exames com dados de saúde dos participantes, os pesquisadores descobriram que altos níveis da fração de EPA aumentavam em 24% a probabilidade de envelhecimento saudável, isto é, boa condição física e mental e menos doenças crônicas. Já taxas altas de DPA elevavam em até 21% a chance de envelhecer bem. Os cientistas não encontraram relação entre velhice saudável e níveis de DHA e ALA. Segundo os autores do estudo, o ômega 3 ajuda a regular a pressão arterial e a frequência cardíaca, além de reduzir inflamações. “A descoberta apoia diretrizes nutricionais para aumentar o consumo de peixe entre idosos”, dizem os pesquisadores.

Compartilhar:


Inscreva-se na nossa Newsletter!

Inscreva-se na nossa Newsletter!


Seu encontro marcado todo mês com muito bem-estar e qualidade de vida!

Grau Plenae

Para empresas
Utilizamos cookies com base em nossos interesses legítimos, para melhorar o desempenho do site, analisar como você interage com ele, personalizar o conteúdo que você recebe e medir a eficácia de nossos anúncios. Caso queira saber mais sobre os cookies que utilizamos, por favor acesse nossa Política de Privacidade.
Quero Saber Mais